“Lobo em Pele de Cordeiro”

Esteja ciente de alguns “grupos” e “líderes” que estão por aí, supostamente trabalhando pela luz, mas que estão escondendo sua “verdadeira identidade” por trás de reuniões secretas, líderes “cult”, enganos, ilusões, extorsões e manipulações.

As Forças da Luz já lhes ofereceram uma opção de redenção, convidando-os a aderir à nossa meditação em massa para pedir o “Decreto de Soberania da Humanidade e o Fim da Quimera”.

Se você usa o senso comum e o raciocínio básico, as pessoas que não podem apoiar uma meditação em massa contra o Grupo Quimera são as que estão sendo controladas pela Quimera.

Nosso chamado atual é para uma meditação em massa que acontecerá no dia 29 de setembro de 2019, e é um chamado para “A Verdade, O Amor e A Paz Planetária”.

Então, aplicando o mesmo senso comum, as pessoas que não estão apoiando nosso chamado para “A Verdade, O Amor e A Paz Planetária” são aquelas que querem manter a humanidade ESCRAVIZADA e que não querem deixar você LIVRE de suas CORRENTES.

Hora de acordar!!!

O SURFACOM – Comando de Superfície – já está sendo informado de que os mesmos “grupos” ou “líderes” já estão ignorando nosso convite para participar dessa Meditação em Massa também.

Gostaríamos de deixar claro que estamos observando esta situação de perto, esteja ciente de que as MÁSCARAS COMEÇARÃO A CAIR porque as FREQÜÊNCIAS ESTÃO SUBINDO.

Ninguém sabe por quanto tempo você será capaz de manter sua máscara.

Você será capaz de se ver através do espelho assim que sua máscara for removida?

A REDENÇÃO é uma ESCOLHA e não pode ser imposta, uma vez que ainda estamos em um UNIVERSO onde o LIVRE ARBÍTRIO deve ser RESPEITADO.

Cabe a você aproveitar esta oportunidade ou enfrentar sua própria crítica pública.

Estamos muito perto da meia noite …

Tic… Toc…
Tic… Toc…
Tic… Toc…

~ SURFACOM

~ Meditação em Massa para a Verdade, o Amor e a Paz Planetária em 29 de setembro de 2019:

https://luzdasestrelas.com.br/meditacao-em-favor-da-verdade-do-amor-e-da-paz-planetaria-a-29-09-2019-as-17h-em-cada-nacao/

Compartilhar:

Deixe um comentário