GEOMETRIA SAGRADA O ALFABETO DE DEUS

As formas geométricas que compõem a geometria sagrada têm um profundo significado metafísico desconhecidos para a maioria das pessoas. Além de serem bonitas, elas contêm propriedades matemáticas e vibracionais que ressoam com a harmonia e o equilíbrio de nossa alma.

Esses desenhos geométricos têm sido usados ​​pelos humanos, desde os tempos antigos na arte, decoração e, em contextos religiosos e espirituais. O movimento do despertar espiritual, renovou o interesse do mundo ocidental por essas formas cheias de significado, e as pessoas estão descobrindo como usá-las para explorar melhor a si mesmas e desvendar seu lugar no universo o que irá resultar em um novo nível de despertar e uma transição para estados superiores da consciência. 

Mas será que foi o despertar que reavivou o interesse pela geometria sagrada ou foram as formas geométricas contidas em toda a criação que ajudaram a promover o despertar espiritual?

Talvez você já tenha se sentido atraída pelos desenhos de linhas místicas e celestiais que tem pipocado por todo o lugar ultimamente. Algumas pessoas intuitivamente criam mandalas organizando seus cristais seguindo um padrão ou alguma forma geométrica, mas o que ainda permanece oculto para muitas dessas pessoas é o real significado de uma mandala, que se diferencia pela base numérica, cor, formas, tamanho e cristais utilizados. 

Se a energia de um cristal já é bastante poderosa, imagine o que acontece quando fazemos a combinação de vários cristais? Organizados com molde em um “desenho”

Ou seguindo um padrão previamente pensado, temos a alquimia perfeita para concentrar e potencializar a energia emanada por cristais, cores e números. Mas você sabe o significado de cada um desses elementos e como combiná-los? É preciso escolher cada elemento que irá ser utilizado, de acordo com o objetivo que se pretende alcançar..

Bem, fazer uma mandala de cristais não é claro a única maneira de trabalhar energeticamente com os símbolos sagrados mas uma coisa é certa, ao entrar em contato com esses símbolos, a frequência neles contidas penetram profundamente na mente consciente e subconsciente, gerando reações emocionais que às vezes somos incapazes de explicar racionalmente.

Mas o que é a geometria sagrada? E por que esse tema nos inspirou a criar video aulas dedicadas a explicar como aplicar esse conhecimento em seu dia a dia? Prepare-se para entrar ainda mais fundo na toca do coelho …

A geometria sagrada envolve padrões universais sagrados, usados ​​no design de tudo em nossa realidade e vistos com mais frequência na arquitetura, arte e natureza. 

Mas se engana quem pensa que esses símbolos são meras figuras planas, na verdade, a geometria e as razões matemáticas, os harmônicos e as proporções também são encontrados na música, na luz e na cosmologia. Padrões invisíveis que animam o nosso mundo físico, assim como a alma anima o nosso corpo. 

Em outras palavras, este universo multidimensional que habitamos tem múltiplas dimensões sobrepostas, que coexistem em uma teia cuja complexidade vai muito além do que a mente humana pode calcular.

Este reino matemático e ao mesmo tempo místico nos convida a mudar a maneira como enxergamos à nós mesmos e o mundo à nossa volta. Trabalhar com a geometria sagrada é um processo que auxilia o alinhamento do coração, mente e espírito com a Fonte. 

A compreensão de seus inúmeros significados é ponte para transitar de forma consciente entre os reinos físico e etérico. 

A ciência moderna provou que os padrões geométricos sagrados, existem nas próprias formas moleculares que constituem a base de toda a vida neste universo.

A proporção áurea por exemplo, apesar de ser um conceito matemático, contêm em si uma dimensão universal. Ela se reflete na organização dos nossos ossos e outros animais, na ramificação de veias e nervos, na disposição das pétalas das flores, nos galhos das árvores, na formação de galáxias, na formação de furacões, na geometria dos cristais, nas proporções de compostos químicos e até nas moléculas de DNA.

Misteriosamente, a Sequência de Fibonacci, um outro padrão matemático está presente em diversos fenômenos da natureza, organismos vivos e inclusive em fatos da nossa vida moderna.

Essa sequência numérica pode ser aplicada na ciência da computação, na teoria de jogos e está presente até mesmo na análise de mercados financeiros, já que alguns matemáticos se deram conta que as flutuações das ações seguem um padrão de crescimento e decréscimo que espelha essa Sequência.

E não para por aí! Ao transformar esses números em quadrados e dispô-los de maneira geométrica, pode ser construído um retângulo com características específicas, chamado de Retângulo de Ouro.

Do Retângulo de ouro vem a Espiral de Fibonacci, um padrão geométrico que podemos observar em flores, conchas de caramujos, pinhas e outras tantas partes da natureza. O Retângulo Dourado e a Espiral de Fibonacci são usados ​​na elaboração de instrumentos musicais como violoncelos, violinos e os tons de escalas musicais. Eles são criados usando essas mesmas fórmulas matemáticas e todas essas relações não são mera coincidência. 

Como disse Pitágoras: “A matemática é o alfabeto com o qual DEUS escreveu o universo…”

Mas acredito que Pitágoras não se referia apenas aos números, mas sim a vibração e a frequência que cada um deles e suas combinações carregam. O espaço entre o físico e o não físico é geralmente expresso através da arte ou da espiritualidade. Essa é também uma das razões pelas quais os padrões geométricos universais são considerados “sagrados”. 

Descobrir e compreender as diferentes formas da geometria sagrada e como elas eram usadas em culturas antigas, pode revelar para você uma realidade totalmente nova e com muito mais sentido! Ao contrário do que muitos pensam, nossas vidas não são baseadas em padrões aleatórios.

A flor da vida por exemplo é um símbolo que pode ser facilmente encontrado em todo o mundo, datando de mais de 6.000 anos é feita de círculos uniformemente espaçados e sobrepostos, com seis simetrias como um hexágono e se parece com uma flor, daí vem o nome. No Egito, no Templo de Osíris; na Cidade Proibida da China, sinagogas na Galiléia, Israel; em templos em toda a Índia; em  la Mezquita( Espanha); Turquia, Japão e outros lugares foi amplamente utilizada. Que energia carrega esse símbolo? E como você pode se beneficiar dele em seu dia a dia? São perguntas como essas que pretendo responder nas vídeo aulas GEOMETRIA CRISTAL O PORTAL DA QUINTA DIMENSÃO.

Quando eu vi a flor da vida pela primeira vez, foi em um sonho lúcido e eu ainda era uma criança. Na época eu nem sabia o que significava aquela forma que tomava conta de todo o céu,e toda vez que me recordo desse dia, tenho certeza que sempre estivemos em contato com algo maior, algo por muitos ainda incompreendido. A flor da vida foi o código que eu escolhi antes de encarnar, para que aqui sob o véu do esquecimento, na matrix da terceira dimensão, eu pudesse recuperar a minha memória divina.

Todos nós somos tivemos uma vida antes dessa, encarnamos aqui em um corpo físico, escolhemos isso e carregamos em nossa memória celular códigos aos quais já conhecíamos e trabalhamos em outras vidas, em outros orbes e dimensões. Conforme você trabalha com os símbolos, formas da geometria sagrada, você ativa esses códigos em sua memória celular, em seu DNA original. Ativando assim as suas lembranças. Você toma consciência do Todo, do sentido da vida e do quão plural é a criação.

Não é fácil explicar em palavras é preciso vivenciar esse aprendizado e sentir como é incrível as ondas de informações que chegam até nós através das formas que compõe a geometria sagrada, no meu caso, mais particularmente através da flor da vida.

Todo entendimento que adquiri desde então, só reforça a sensação que tive na infância, através daquele sonho. A sensação de dissolver limites, de estar unido e ao mesmo tempo livre, fazer parte de algo muito maior do que eu mesmo, e isso, explica um pouco do porquê não me canso de apreciar, estudar e descobrir os segredos e o poder energético da geometria sagrada. 

Há uma razão pela qual as tradições espirituais usaram esses padrões matemáticos por séculos, e ao trazê-los para sua vida, você vai ativar a ressonância de seu DNA original com a sabedoria de sua alma, o alinhamento de sua vida com a simetria e o equilíbrio contidos nas formas sagradas e, esse é seguramente um caminho real para uma vida mais equilibrada e feliz!

Daqui lhe enviamos sempre as energias do Amor e da Luz, para que você sinta o quanto é amado(a) apoiado(a) a expandir a sua própria Luz. Gratidão Equipe Luz das Estrelas.

https://luzdasestrelas.com.br/

https://cursoseadluzdasestrelas.com.br/

Compartilhar: