DE VOLTA A ERA DA LUZ EM ATLÂNTIDA

Amados, amadas, sejam muito bem vindos ao canal Luz Das Estrelas. Aqui Ricardo Trier

A medida em que acendemos espiritualmente e que a mãe Terra modifica seu padrão vibracional para uma frequência mais harmônica e natural, nos sentimos naturalmente intuídos a resgatar nossas lembranças da época em que vivíamos em atlântida e lemúria, conhecimentos que nos permitimos acessar à medida que nos reconectamos com as energias cristalinas que existem dentro e fora de nós.

Esse é um resgate de consciência altamente curativo, pois nos permite navegar nas intensas ondas dissonantes do atual momento de limpeza da mãe Terra, sentindo um menor impacto em nossos corpos, especialmente, o corpo emocional e etérico que são por natureza empatas e por isso mesmo, altamente sensíveis às interferências que permeiam a malha energética do inconsciente coletivo.

Ao resgatarmos nossas memórias ancestrais dos tempos dourados de atlântida, trazemos de volta a nossas consciências um tempo em que caminhávamos sobre a Terra como filhos das estrelas, conscientes e soberanos. E ao fazermos isso, elevamos a frequência de nossos pensamentos e sentimentos, o que é essencial neste momento em que todos nós e o planeta terra estamos em transição para ascender a uma dimensão de consciência mais alinhada às nossas essências Crísticas.

Portanto, quando pensarem em Atlântida, “não” se lembram apenas de seu triste dilúvio.

Esta foi apenas uma fase curta de uma longa e magnífica era dourada, que não deve ser esquecida, e também não deve se sobrepor a toda sabedoria que acessavamos naqueles tempos. Está na hora de nos lembramos amados.

Atlântida existiu por mais de 200.000 anos, apenas na fase final, foi uma era de disputas e sombras, mas também uma época rica em aprendizados.

E através dos cristais que permanecem vivos e de nossa conexão com a própria sabedoria da natureza, podemos obter grande auxílio para recuperar essas lembranças, pois a própria Terra conserva a sabedoria e os conhecimentos multidimensionais das eras.

Com o reavivamento de nossa sabedoria ancestral, temos a oportunidade de retornar ao Campo Cristalino Quântico de Atlântida, a Era Dourada, onde alcançamos o nível mais elevado de Consciência Luminosa acessado no Plano da Terra.

Em estado pós meditativo é possível nos colocarmos em clara intenção de nos lembrarmos e nos transportarmos em consciência para o Templo da Cura, para o Templo do Som, o Templo do Um, o Templo da Regeneração e o Templo do Conhecimento.

Obras impressionantes de geometria sagrada e arquitetura deslumbrante, cobertos por uma cúpula de luz cristalina amplificada e projetada, semelhante a um campo de força brilhante, de várias cores que brilhavam dia e noite.


Durante a Idade de Ouro de Atlântida, a maioria das principais cidades tinha cúpulas cristalinas de campos de energia sobre elas, mas depois do segundo dilúvio, só a Capital Poseida manteve uma cúpula de energia cristalina completa, sua cor era de um incrível verde esmeralda.

Daí veio o nome cidade esmeralda.

É sabido que uma fonte de cura incrivelmente potente fluía em Poseida, a cidade esmeralda perto do Templo de Cura, foi a fama dessas águas que gerou o mito da “Fonte da Juventude”, na verdade são águas cristalinas e regeneradoras que ainda correm para os oceanos perto de Bimini, uma ilha de beleza magnífica e pouco conhecida das bahamas.

Nosso irmãos pleiadianos formavam uma raça pacífica de gigantes nesta região, uma população que estava envolvida em atividades culturais, artísticas e educacionais, no coração da Atlântida. Onde também funcionava a sede e o núcleo da rede de energia cristalina e do sistema de túneis interdimensionais. Os cristais mais avançados, complexos e bonitos estavam lá.

Eram de construção Arcturiana e Siriana, um combinação viva de muitas formas cristalinas, permeadas com uma liga de platina e ouro.

Com o auxílio de tecnologia arcturiana, tínhamos desenvolvido a capacidade de criar cristais de todo tipo de estrutura e essência, nos leitos de cristal subterrâneos onde ficam agora o Arkansas, o Tibet e também aqui no Brasil, eram colônias atlantes, que eram acessadas por meio do sistema de túneis interdimensionais.

A fonte de energia que supria os lares e toda comunidade era gerada através das redes de energia cristalina, formada por cristais triangulados e conectados a uma haste de cobre-dourada, que recebia ondas de energia estelar, solar e gravitacional específicas.

Unidades cristalinas receptoras de vários tamanhos eram geometricamente dispostas para inserir luz cristalina em correntes terrenas condutivas.

Campos de energia especializada, eram projetados em plantações e, em áreas de desenvolvimento de cristais, para amplificar e acelerar seu crescimento, assim como para amplificar a sensação de bem-estar em todos daquela comunidade.

As Pirâmides eram de três ou quatro lados, dependendo da sua finalidade, e geralmente eram feitas de mármore, granito e cristais complexos. As pirâmides de três lados, eram usadas como antenas para atrair e amplificar a fonte de energia que abastecia as cidades.

As de quatro lados eram, basicamente, conjuntos de Templos construídos como octaedros completos e usados para cura, aprendizagem, regeneração e propósitos espirituais. Estes geralmente estavam localizados no alto de montanhas ou ao longo da costa, para receber tanto a energia da Terra quanto as energias cósmicas, conectando assim, energeticamente, cosmos e Terra.

Amados, há muitas lembranças importantes de serem resgatadas e trazidas ao consciente coletivo, principalmente nestes tempos em que ainda há muitas pessoas no planeta vibrando no medo e na incerteza.

Muitos de nós já passamos por tantas coisas, superamos várias delas, aprendemos e continuamos a aprender nesta jornada terrestre. O resgate de nossa sabedoria ancestral permite que cada um de nós atue como catalisador para elevação do padrão vibracional do coletivo.

A ascensão para dimensões mais elevadas é sobretudo um estado de espírito e construção mental que apóia a consciência de unidade, serviço ao próximo, compaixão, amorosidade, compreensão, paz interior, sabedoria, cura, iluminação e transcendência.

Em uma dimensão de consciência mais elevada, o desenvolvimento das habilidades superiores de telepatia, teletransporte, clariaudiência, clarividência, clarissenciência e um sentimento mais forte de Unidade com Todos, Unidade com a Fonte e com nossos irmãos cósmicos, se torna mais acessível a todos.

E nós, todos nós, somos parte ativa dessa construção! A SABEDORIA XAMANICA E A ERA DOS ELEMENTAIS é um curso que desenvolvi junto a minha equipe que irá ajudar você em conexão com a sua sabedoria ancestral, através de insights e ativações, que irei compartilhar com vocês em vídeo aulas. Essa são oportunidades que temos de expandir ainda mais nosso conhecimento e através das práticas xamânicas curar não apenas nossas emoções, mas também nossas incertezas. Resgatar a sua sabedoria, sua força, seu poder de trabalhar com as energias elementais. Sou muito grato por poder compartilhar meus conhecimentos e insights com vocês, tanto aqui no youtube como também através de nossos cursos, acesse o link que esta aparecendo aqui no video agora para mais informações sobre o curso que desenvolvi para lhe auxiliar em vídeo aulas…. gratidão

Daqui lhe enviamos sempre as energias do amor e da luz, para que você sinta o quanto é amado e apoiado sempre a expandir ainda mais a sua própria luz.

Só compartilhe se você for manter os créditos da mensagem e não for fazer nenhuma alteração ao texto original. 

Compartilhar: